Jump to content

[Q&A] Questões e respostas dos desenvolvedores


answers_developers_1000_logo_ru_b634dd0f

Caros jogadores,

Temos outra ronda de questões respondidas pelos desenvolvedores, desta vez com Vyacheslav Bulannikov!

Geral


Q: Têm planos para separar o Ki-200 na versão naval e do exército para expandir a linha de 8.0 japonesa? O Ki-200 tem neste momento camuflagens de ambos os J8M e Ki-200. Tudo o que é necessário é alterar o armamento. O modelo é correto para ambos. O Ki-200 possui os canhões Type 5 de 30 mm enquanto o J8M os Ho-105 de 30 mm. Isto iria ajudar muito o nível V do Japão com pouco esforço.

R: Nós temos dúvidas acerca da necessidade da extensão da árvore japonesa no nível V. Na atualização 1.75 adicionámos uma versão mais interessante do Saber F40.


Q: O que vai acontecer ao DB.7 e D.521 na linha britânica? Vamos tê-los na árvore francesa em breve? Então e o Hawk 75 (P-36 francês) que foi encontrado no CDK?

R: DB-7 não é uma excepção. Em relação aos Hawks - na atualização 1.75 adicionámos duas variantes Hawk 75-H-75A-1 e H-75A-4.


Q: Foram feitas quaisquer alterações à decisão em relação ao Sturmtiger? OAP de calibres elevados são muito populares e divertidos! Talvez como premium de nível V ou evento?

R: Provavelmente apenas como veículo de coleção, como o BM-13, o que significa que não temos quaisquer garantias de eficácia em batalha. Não há planos específicos mas provavelmente irá surgir em algum evento no futuro.


Q: Os italianos carecem de aviões premium neste momento, há algum a ser feito?

R: Sim, há vários modelos em preparação, mas não podemos dizer quais serão os primeiros.


Q: Têm alguma intenção de incluir as versões iniciais do Seafire? Há um buraco na árvore entre os Sea Hurricanes e os Firefly/Firebrand que o Seafire Mk I, Mk II e Mkiii podiam facilmente ocupar. Também os Seafire XV Grifon. Talvez possam incluir mais tarde na árvore francesa na linha naval ou de premiums?

R: Sim temos planos para isso (em relação aos Seafires iniciais).


Q: A maioria das nações possuem AAAP com bastante capacidade no BR 8.0. A Grã-Bretanha ainda possui a Falcon, que não é muito comparaável aos Type 87, Gepard, Shilka e M163. Agora com o nível VI e a expansão do nível V, os Chieftain Sabre ou Chieftain Marksman podem entrar agora?

R: Sim, não foram excluídos. Estas AAAP estão sendo consideradas para adicionar ao jogo.


Q: Têm quaisquer opções de expandir a gama de aviões no nível máximo? Neste momento temos forças terrestres dos anos 60 e 70, no entanto os aviões permanecem nos anos 50. É possível ter aviões com mísseis não guiados como os Gloster Javelin, A-4 Skyhawk, Later MiG-17s, FIAT G.91 R/3 ou G.91Y, F-86H, Hunter F.6? Isto também poderia abrir a possibilidade de incluir novos bombardeiros como os Tu-95, Vulcan, Victor, Valiant e B-52?

R: Sim, acreditamos que há oportunidades para tal, mesmo que não seja aeronaves com mísseis, para que possamos fazer aeronaves de ataque.


Q: Agora que temos o SM.81, é possível vermos modificações do Ju-52 Tante Ju em 1.3 ou até mesmo como premium ou presente? Ele pode carregar bombas de até 500 kg assim como armamento defensivo. O avião é muito similar em características ao SM.81 e pode ser um avião de evento muito popular.

R: Ao contrário do especializado SM.81, que podia carregar até 2 toneladas de bombas, o Yu-52 é primariamente uma aeronave de transporte com características de voo deficitárias e não estamos a considerar necessário adiciona-lo à árvore de pesquisa, é possível que venha a ser uma aeronave de colecionador.


Q: Agora que o B-24 tem um novo modelo, é possível ver variantes adicionais? Para além disso, é possível uma variante premium do Corsair da Fleet Air Arm agora que possuem novos modelos?

R: Na atualização 1.75 adicionámos o Corsair Mk.2 britânico. Em relação ao B-24 - não temos planos para quaisquer outras modificações neste momento.


Q: Podem nos dar algumas dicas em que aeronaves vão receber novos modelos/variantes no futuro? Talvez a série Spitfire Mk V, Bf 110, P-40, Blenheim ou Mosquito? Todos estes aviões têm versões muito diferentes disponíveis e podem ser reformulados ao nível do modelo.

R: O Spitfire V está neste momento em processo de criação de um modelo melhorado, e temos planos para os P-40 e 110.


 

Q: As modificações de fábrica do U5 e U6 do Bf 109 G6-G14 vão ser adicionadas? Eu tostaria muito de testar as MK-103 no 109. Haverá alguma modificação do Il-28Sh e MiG-9 com arma de 57 mm no jogo?

R: Tanto quanto sei, há algo nos planos e recentemente recebi documentação dos historiadores em relação a este tópico.


Q: É possível para um avião como o Ki-91 aparecer no jogo como resposta aos bombardeiros pesados de topo de outras nações? Ele existiu mas não teve tempo de voar.

R: Tanto quanto sei, na realidade este avião não existiu, os modelos aerodinâmicos eram apenas provenientes de túneis de ar, pelo que não temos planos para este avião.


Q: É possível incluir com a entrada da armada, torpedos japoneses mais modernos, nomeadamente os Type 91 com maior massa de explosivo? Na realidade os torpedos japoneses são os mais fracos do jogo, e não há alternativas na forma de bombas, ao contrário de outras nações.

R: Sim estamos pensando em implementar torpedos de oxigénio Type-4 para os B7A2 e P1Y.


Q: Está planeado implmentar o T-64A com turbina a gás? Por exemplo, como premium de nível VI. O tanque existiu na realidade e até passou a fase de testes. É de facto um protótido do T-80.

R: Quanto aos veículos dos anos 30 e 50, primeiro introduzidos as máquinas mais conhecidas e produzidas, após isso diferentes protótipos e objects. Primeiro gostariamos de adicionar versões de produção em massa da família dos T-72 e T-80, apenas então as versões mais raras.


Geral


Q: Que novos efeitos de som estão nos planos?

R: Agora começámos a trabalhar sobre o sons dos armamentos, em particular, metralhadoras, os canhões serão a seguir. O processamento é principalmente sobre efeitos atmosféricos a diferentes distâncias. Haverá a chance de ter o efeito sobre o som dos motores dos blindados da mesma forma que já temos para os aviões.  Não podemos dizer qualquer data, o trabalho é volumoso e mais provavelmente chegará de forma faseada em diferentes atualizações.


Q: Então e o som dos blindados franceses, conseguiram copiar dos blindados reais?

R: Sim, aqueles blindados que sobreviveram e com motores autênticos, foram gravados. Isto aplica-se ao resto dos blindados no jogo. Ao gravar o som dos blindados, o trabalho mais volumoso fica feito. Apesar do facto de não haver muito veículos com motores autênticos - nós e a nossa equipa conseguiram gravar um grande número de aviões e blindados. Alguns deles são exclusivos.


Q: Há alguma base de dados terceira de som usado por veículos terrestres?

R: Não, se estivermos a falar de sons de motores, temos uma base de dados de gravações originais. Se for necessária sintetizar algum som, usamos-la. Mas quanto mais difícil for de obter som, por exemplo, acertos, alguns tiros (alguns, porque também temos algumas ferramentas disponíveis da realidade). Então sim, podemos usar outras bases de dados.


Q: Haverá nova banda sonora?

R: Sim, recentemente gravámos algumas novas músicas, deverão aparecer no inicio do novo ano.


Q: o trabalho vai continuar na direção de vozes nacionais, comandos por exemplo "attack point A".

R: Sim, em relação às dublagens, algum trabalho está a ser feito nesta direção. A dublagem é necessária e claro que a vamos desenvolver.


Você pode colocar quaisquer questões aos desenvolvedores no nosso fórum oficial na secção "Questions to the Team".

Share this post


Link to post
Share on other sites
  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.

×
×
  • Create New...